• Sete maneiras pelas quais as empresas podem fortalecer a segurança do trabalho em casa

Sete maneiras pelas quais as empresas podem fortalecer a segurança do trabalho em casa

Como proprietário de uma empresa ou profissional de TI, gerenciando o surto de coronavírus, você teve que tomar rapidamente grandes decisões sobre sua empresa, incluindo muitos de seus funcionários trabalhando em casa por um período indeterminado. Embora alguns fluxos de trabalho sejam transferidos com bastante facilidade para casa graças a soluções baseadas na nuvem, o mesmo não acontece com a segurança da rede digital.

Para garantir que os locais remotos de seus funcionários sejam digitalmente seguros como os seus escritórios regulares, o diretor de segurança da informação da Xerox, Krishna Marella, compartilha sete práticas recomendadas que sua empresa pode seguir para reduzir sua exposição.

Priorizar o uso de laptops emitidos pela empresa

Os funcionários que trabalham em casa podem ficar tentados a usar seus laptops pessoais, e você pode acabar aceitando para evitar o custo de novos dispositivos. Porém, você deve resistir a essa tentação. Um benefício importante para os funcionários usarem laptops autorizados para trabalhar é que sua empresa pode gerenciar atualizações e patches de segurança, enviando-os eletronicamente para os dispositivos, conforme necessário. Isso permite que todos na sua equipe recebam as mesmas medidas de segurança, não importa onde estejam. Observe que o usuário ainda precisará aceitar/aprovar as atualizações.

Garanta que os funcionários ainda em dispositivos próprio não usem a VPN

Sabemos que nem todo mundo tem um laptop cedido pela empresa. Se você tiver funcionários usando seus dispositivos pessoais, peça para eles não conectarem seus dispositivos pessoais para usar a VPN da empresa. Em vez disso, instrua-os funcionários a acessar plataformas de trabalho por meio de uma infraestrutura de desktop virtual para acessar os recursos internos da empresa. “Não sabemos o que está no seu computador pessoal", diz Marella. “Ele pode ter malware e, se você se conectar à sua rede de trabalho, pode acabar com toda uma rede da empresa em questão de minutos.”

Peça aos seus funcionários para verificar redes de Wi-Fi domésticas

Quando seus funcionários estão usando a rede de Wi-Fi da sua empresa, você pode monitorar quem faz login nela e bloquear usuários não autorizados. Agora, é responsabilidade do seu funcionário saber quem está usando seus sistemas Wi-Fi pessoais. Peça que façam login nos roteadores Wi-Fi e verifiquem quem está conectado a eles. Se houver dispositivos que não reconheçam, eles podem impedi-los de usar o Wi-Fi e, potencialmente, invadir sua rede.

Proteger seus documentos de trabalho confidenciais

Uma das maneiras mais eficazes de proteger documentos confidenciais é conceder/restringir o acesso a quem pode visualizar ou editar cada documento. “Isso é simples, mas muitas pessoas não sabem”, diz Marella. Ao fazer isso, apenas aqueles que devem visualizar um documento podem vê-lo, mesmo que o documento seja encaminhado por e-mail.

Repita estas quatro palavras importantes: Faça backup de seus documentos!

Coisas engraçadas podem acontecer quando seus funcionários trabalham em casa, como seus filhos derramando algo em seu computador, queimando o hardware antes que um documento importante seja salvo. Sempre que possível, Marella pede que os funcionários trabalhem nas plataformas em nuvem da sua empresa. Essas plataformas não apenas salvam os documentos automaticamente, mas também permitem vários usuários. “Se algo acontecer com o computador de seu funcionário amanhã, você terá todos os seus documentos na nuvem”, observa Marella.

Verificar e-mails de fontes externas

Marella passou 20 anos no setor de segurança cibernética e é cuidadoso ao abrir e-mails de fontes externas. “Não é muito difícil personificar um e-mail”, diz ele. Para impedir ataques bem-sucedidos de phishing na sua rede, ele sugere que os funcionários passem o mouse sobre o e-mail e os hiperlinks do remetente para que possam ver o endereço completo e verificá-lo.

Garanta que seus funcionários não negligenciem as precauções básicas

Quando nossos dias parecem mais ocupados ou quando estamos distraídos, pode ser fácil ignorar os fundamentos de uma boa higiene digital. Para manter a nitidez, envie um lembrete regular para suas equipes para sair de todos os programas relacionados ao trabalho após cada uso, não repita senhas e altere suas senhas de Wi-Fi a cada dois meses.

Essas etapas simples podem parecer de necessidade limitada em um mundo onde a atividade de trabalho mais importante ocorre na sua rede protegida. Mas quando membros da sua equipe trabalham remotamente e todas as atividades são distribuídas, a segurança da sua rede depende do link mais fraco. Cabe a você, como gerente, reunir a equipe para ver como essas práticas recomendadas contribuem para uma rede segura – e como todos da equipe dependem disso para concluir o trabalho.